Skip navigation
Please use this identifier to cite or link to this item:

acessibilidade

http://hdl.handle.net/20.500.12207/5472
wcag
Title: Flora infestante das culturas de sequeiro do Alentejo
Authors: Vasconcelos, Teresa
Portugal, João
Moreira, Ilídio
Keywords: Cultivo de sequeiro
Planta silvestre
Flora
Infestante
Taxonomia
Nomenclatura
Issue Date: 2000
Publisher: Escola Superior Agrária de Beja
Citation: Vasconcelos, T., Martim Portugal, J. & Moreira, I.(2000). Flora infestante das culturas de sequeiro do Alentejo. Escola Superior Agrária de Beja
Abstract: «O professor João de Carvalho e Vasconcellos, com a publicação, em 1958, dos livros "Ervas infestantes das searas de trigo" e "Sementes estranhas do trigo" com detalhadas descrições das principais espécies da flora messícola, e de outros sobre as infestantes dos arrozais, foi pioneiro nas obras dedicadas à Herbologia. Em 1971, preparou cuidadosas chaves de identificação de plantas da flora dos cereais antes da floração, estado em que geralmente se encontram as infestantes por ocasião da decisão de tratamento e que, em boa hora, foi reeditado pela Direcção-Geral de Protecção das Culturas [...]. Outra obra que merece menção, por, com esta última, ser de referência e de útil consulta, é o manual elaborado por Malato Beliz [...], primorosamente ilustrado com desenhos de Cadete e completado com a distribuição das espécies no país. A consulta do CD Rom, intitulado HYPP [...], distribuído pela Secretaria Geral do Ministério de Agricultura, Desenvolvimento Rural e das Pescas, é também um auxiliar fundamental para a identificação das infestantes, para além das "Floras", estas de certo modo mais úteis para os especialistas. Apesar da disponibilidade destes trabalhos nacionais, ao longo das actividades desenvolvidas na execução do Projecto PAMAF nº 5011, "Gestão de infestantes em culturas arvenses de sequeiro no Baixo Alentejo", e do diálogo com agricultores e técnicos da região, considerou-se vantajosa a preparação de um manual para identificação de espécies frequentes nas planícies alentejanas, necessariamente limitado no número de espécies. Procuraram-se seleccionar as espécies com maior importância na flora das culturas de sequeiro do Sul de Portugal, quer pelo número de plantas quer pela extensão da área que ocupam nos terrenos cultivados».
Peer reviewed: yes
URI: http://hdl.handle.net/20.500.12207/5472
ISBN: 972-95296-1-2
Appears in Collections:D-BIO - Livros e Capítulos de Livro

Files in This Item:
wcag
File Description SizeFormat 
Flora Infestante Sequeiro_João Portugal.pdf28.08 MBAdobe PDFView/Open


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Currículo DeGóis 

This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons