Skip navigation
Please use this identifier to cite or link to this item:

acessibilidade

http://hdl.handle.net/20.500.12207/5154
wcag
Title: Desenvolvimento das competências visuo-motoras em crianças ex pré termo
Authors: Ferreira, Ana Isabel
Orientador: Ribeiro, Filipa
Keywords: Extremo pré termo
Integração Visuo-motora
Perceção Visual
Coordenação Motora
Issue Date: Jan-2016
Publisher: Instituto Ciências da Saúde. Universidade Católica Portuguesa
Abstract: O nascimento pré termo tem amplas repercussões ao nível do desenvolvimento. As consequências tendem a ser tanto mais significativas quanto menor é a idade gestacional. Embora bastante estudada, a prematuridade é um fenómeno que continua a merecer investigação para melhor conhecermos as consequências em domínios específicos como o desenvolvimento das capacidades visuo - motoras. Neste contexto, a presente investigação teve como objetivo geral comparar o desempenho global no domínio da integração visuo - motora, da perceção visual e da coordenação motora, de crianças nascidas com 32 ou menos semanas de gestação com o de crianças nascidas de termo. Foi também objetivo do trabalho avaliar a influência do peso ao nascimento e de variáveis demográficas e clínicas (habilitações académicas da mãe, profissão da mãe, número de irmãos e idade de inicio da atividade educativa) no domínio estudado. Foram estudadas 40 crianças ex pré termo e 40 crianças nascidas de termo, com idades compreendidas entre os 5 e os 6 anos, com o conjunto de testes de desenvolvimento da integração visuo - motora de Beery- Buktenica: teste de integração visuo - motora, teste de perceção visual e teste de coordenação motora. Os resultados obtidos indicam diferenças significativas ao nível do desempenho global na integração visuo - motora, perceção visual e coordenação motora entre as crianças ex pré termo e as crianças nascidas de termo. No grupo ex pré termo nenhuma das variáveis demográficas e clinicas identificadas se correlacionou com o desempenho. No grupo de termo observou-se uma correlação positiva entre as habilitações académicas da mãe e o resultado na integração visuo motora e na perceção visual, assim como entre a profissão da mãe e o desempenho na perceção visual. Na idade de entrada para o ensino formal observaram-se diferenças no desenvolvimento das capacidades visuo – motoras e percetivas nas crianças ex pré termo, mesmo na ausência de lesão cerebral. Face aos resultados é importante incluir nos protocolos de seguimento dos bebés nascidos de pré termo uma avaliação direcionada para as competências visuo - motoras.
Description: Dissertação apresentada para obtenção do grau de Mestre em Neuropsicologia. Universidade Católica Portuguesa. Lisboa. 2015
Peer reviewed: yes
URI: http://hdl.handle.net/20.500.12207/5154
Appears in Collections:D-SA - Dissertações de Mestrado

Files in This Item:
wcag
File Description SizeFormat 
Tese_Final_Mestrado_AnaIsabelFerreira.pdf1.43 MBAdobe PDFView/Open


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Currículo DeGóis 

This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons