Skip navigation
Utilize este identificador para referenciar este registo:

acessibilidade

http://hdl.handle.net/20.500.12207/5326
wcag
Título: O impacto do capital intelectual no desempenho financeiro das empresas do setor hoteleiro
Autor: Matos, Raquel Sofia Sobral de
Orientador: Bailoa, Sandra Isabel Rodrigues
Teixeira, Fernando José Calado e Silva Nunes
Palavras-chave: Capital intelectual
VAIC TM
Desempenho financeiro
Setor hoteleiro
Ativos intangíveis
Data: 17-Dez-2019
Citação: Matos, R. (2019). O impacto do capital intelectual no desempenho financeiro das empresas do setor hoteleiro. (Dissertação de mestrado não publicada). Instituto Politécnico de Beja, Escola Superior de Tecnologia e Gestão.
Resumo: Na atual Era da Conhecimento, o Capital Intelectual (CI) revela-se como um recurso imprescindível na criação de valor para as empresas, influenciado o seu desempenho financeiro. As empresas começam a reconhecer a importância do CI, mas tratando-se de um ativo intangível de difícil mensuração, e não existindo um modelo universalmente aceite, o seu valor não é registado contabilisticamente. O setor hoteleiro português, tem vindo a registar um crescimento anual significativo. Este setor caracteriza-se por ser, fundamentalmente prestador de serviços, bastante dependente dos fatores inerentes ao Capital Intelectual. Devido ao reduzido número de estudos que relacionem o CI com o setor hoteleiro, o objetivo deste trabalho é analisar o impacto do Capital Intelectual, no desempenho financeiro das empresas do setor hoteleiro português. A amostra é constituída por 40 empresas do ramo hoteleiro, no período entre 2011 e 2017. Para mensuração do CI, utilizou-se o método VAICTM (Value Added Intelectual Coefficient). É um método quantitativo que utiliza dados financeiros facilmente obtidos através das Demonstrações Financeiras e Balanços, e orientado para a contabilidade. Como representantes do desempenho financeiro, foram utilizados os indicadores: Rentabilidade dos Capitais Próprios (Return of Equity - ROE), Rentabilidade do Ativo (ROA) e Rentabilidade do Investimento (ROI). As relações entre variáveis foram analisadas através da análise descritiva dos dados, tratados em Excel, e com recurso a Modelos de Regressão Linear construídos no software estatístico SPSS (Statistical Package for the Social Sciences). Os resultados variam consoante as variáveis utilizadas, mas de forma geral, comprovam que o Capital Intelectual tem relação positiva no desempenho financeiro das empresas. O Capital Humano (CH), mostrou ser a variável com maior impacto nas variáveis de rentabilidade, comprovando assim a forte influência do potencial humano na atividade hoteleira.
URI: http://hdl.handle.net/20.500.12207/5326
Designação: Dissertação de mestrado em Contabilidade e Finanças. Instituto Politécnico de Beja, Escola Superior de Tecnologia e Gestão, 2019
Aparece nas coleções:D-CE - Dissertações de Mestrado

Ficheiros deste registo:
wcag
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
Raquel Matos_mestrado.pdf1.27 MBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Currículo DeGóis 

Este registo está protegido por Licença Creative Commons Creative Commons