Skip navigation
Please use this identifier to cite or link to this item:

acessibilidade

http://hdl.handle.net/20.500.12207/4698
wcag
Title: As representações sociais dos cuidadores formais sobre demência
Authors: Garrido, Isabel da Conceição Caeiro
Orientador: Nunes, Ana Clara Pica
Keywords: Profissionais na área da gerontologia/geriatria
Idosos
Demência
Issue Date: 28-Jul-2017
Abstract: A par do envelhecimento crescente da população, é necessária a implementação de estratégias para proporcionar as condições de bem-estar essenciais à população idosa, a nível físico, mental e sociofamiliar. A prossecução desse objetivo depende de um esforço conjunto, a nível mundial e governamental, através da instituição de medidas institucionais, tal como legislação protetora desta faixa etária, e também de cada cidadão, através do trabalho diário com esta população, onde os cuidadores formais e informais assumem um papel preponderante. Nesta investigação a atenção recai sobre os cuidadores formais, isto é, sobre profissionais na área da Gerontologia/Geriatria que exercem a sua atividade numa Instituição Particular de Solidariedade Social. Pretendemos conhecer as representações sociais destes profissionais sobre demência, enquanto entidade nosológica e identificar a forma como estes vivenciam o trabalho com utentes com esta problemática. Participaram na investigação nove Ajudantes de Ação Direta e a Diretora Técnica de uma Instituição Particular de Solidariedade Social do concelho de Moura, cujas respostas sociais são constituídas por Centro de Dia, Estrutura Residencial para Pessoas Idosas e Serviço de Apoio Domiciliário. Os dados foram recolhidos através de uma entrevista semiestruturada. Foi possível apurar que os Ajudantes de Ação Direta participantes no estudo estão motivados para o trabalho com idosos, gostam desta profissão e reconhecem o que implica sofrer de demência, apesar de revelarem poucos conhecimentos acerca da doença enquanto entidade nosológica e sobre os vários tipos de demência. Nesse sentido foi desenhado um projeto de intervenção onde é sugerida a realização de um curso de formação na área da demência denominado «conhecer para melhor cuidar», com o objetivo de fornecer aos cuidadores formais ferramentas para melhorar a prestação de cuidados aos utentes, através de uma maior formação e capacitação desses mesmos profissionais.
URI: http://hdl.handle.net/20.500.12207/4698
Designation: Dissertação de mestrado em Psicogerontologia comunitária. Instituto Politécnico de Beja, Escola Superior de Educação, 2017
Appears in Collections:D-ECSC - Dissertações de Mestrado

Files in This Item:
wcag
File Description SizeFormat 
Isabel Garrido.pdf622.01 kBAdobe PDFView/Open


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Currículo DeGóis 

This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons