Skip navigation
Please use this identifier to cite or link to this item:

acessibilidade

http://hdl.handle.net/20.500.12207/4673
wcag
Title: Fatores facilitadores de interação entre crianças com a síndrome de Dravet e os seus pares
Authors: Costa, Mariana Vitória Vaz Lampreia Ramos
Orientador: Espírito Santo, Adelaide Pereira Jacinto do
Keywords: Organização escolar
Educação inclusiva
Interação
Participação
Cooperação
Issue Date: 21-Jul-2016
Citation: Costa, M. (2016). Fatores facilitadores de interação entre crianças com a síndrome de Dravet e os seus pares. (Dissertação de mestrado não publicada). Instituto Politécnico de Beja, Escola Superior de Educação.
Abstract: O ideal da educação inclusiva traduz-se na obrigatoriedade da escola admitir uma grande heterogeneidade de crianças, às quais deve ser proporcionado um ensino conforme as características individuais de cada uma delas. Isto representa um desafio bastante exigente para o sistema escolar e para os professores, sobretudo atendendo à presença de muitos alunos com Necessidades Educativas Especiais, que devem ser incluídos nas turmas de ensino regular. O presente estudo teve lugar na Escola Básica de Santiago Maior, Agrupamento n°1 de Beja junto de uma amostra de 35 alunos com idades compreendidas entre os 7 e os 11 anos que incluem duas crianças com Síndrome de Dravet. Partindo do pressuposto que a interação entre pares promove aprendizagens em diferentes áreas, principalmente a nível de autonomia e de socialização pretendeu-se conhecer fatores facilitadores da interação entre os alunos com Síndrome de Dravet e os seus pares. Para isso, recorreu-se a diferentes instrumentos de recolha de dados: um inquérito por questionário às turmas (2° e 4° anos de escolaridade) onde estão incluídas as crianças com a Síndrome de Dravet, observação direta nas salas de aula e no recreio, de forma a observar a interação das crianças com e sem Síndrome de Dravet e entrevistas às docentes titulares de turmas e às docentes de Educação Especial que acompanham e trabalham com os alunos com o Síndrome de Dravet. Os resultados revelaram que as crianças com a Síndrome de Dravet estão perfeitamente incluídas nas suas turmas. As atitudes inclusivas dos professores, a aceitação entre pares, os afetos e o trabalho de cooperação são considerados fatores facilitadores da interação entre os alunos com a Síndrome de Dravet e os seus pares.
URI: http://hdl.handle.net/20.500.12207/4673
Designation: Dissertação de mestrado em Educação especial – especialização no domínio cognitivo e motor. Instituto Politécnico de Beja, Escola Superior de Educação, 2016
Appears in Collections:D-ECSC - Dissertações de Mestrado

Files in This Item:
wcag
File Description SizeFormat 
Mariana Costa.pdf13.41 MBAdobe PDFView/Open


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Currículo DeGóis 

This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons