Skip navigation
Please use this identifier to cite or link to this item:

acessibilidade

http://hdl.handle.net/20.500.12207/4598
wcag
Title: Inclusão educativa e social de um aluno com multideficiência: Um estudo de caso
Authors: Fernandes, Madalena Maria Pires Domingos
Orientador: Santos, Maria Teresa Pereira dos
Keywords: Inclusão
Multideficiência
Unidades de apoio especializado à multideficiência
Pares
Issue Date: 25-Nov-2015
Citation: Fernandes, M. (2015). Inclusão educativa e social de um aluno com multideficiência: Um estudo de caso. (Dissertação de mestrado não publicada). Instituto Politécnico de Beja. Escola Superior de Educação.
Abstract: O conceito de inclusão tem sido alvo de equívocos constantes, resultado de pensamentos e frases idílicas que acabam por prejudicar unicamente os alunos com necessidades educativas especiais (NEE). Para alterar este cenário é urgente considerar a criança como um todo, privilegiando-se todas as áreas e não somente as constantes do seu percurso académico. Assim, a inclusão não deve ser a mera colocação dos alunos com NEE nas classes regulares, sem que um conjunto de pressupostos seja assegurado. Quando se trata de crianças com problemáticas diversas, Multideficientes (MD), é necessário ainda providenciar um atendimento mais específico, uma vez que a sua permanência nas escolas regulares é ainda uma realidade recente. Neste sentido, uma das medidas implementadas tem sido a criação de Unidades de Apoio Especializado com o objetivo máximo de lhes proporcionar as mesmas oportunidades e apoiar o processo de transição entre ciclos para a vida adulta. O presente estudo parte de um caso particular que se torna o seu objeto e tem como objetivo principal - conhecer o modo como se processa a inclusão escolar e social de um aluno com Multideficiente numa escola pública, inserido numa turma do terceiro ano. No sentido de compreender a sua inclusão educativa, importa saber quais as atitudes e sentimentos evidenciados pelos diversos intervenientes no seu processo de ensinoaprendizagem- professores e técnicos -, bem como dos seus colegas de turma. Para a realização deste estudo utilizou-se uma metodologia de natureza qualitativa, aplicando-se um questionário fechado aos colegas de turma e uma entrevista semiestruturada aos professores e técnicos do Centro de Recursos para a Inclusão. A análise dos resultados possibilitou a proposta de um plano de ação, incidente sobretudo na vertente organizacional, para melhorar o processo de inclusão de todos os alunos com NEE, na prossecução da Escola para Todos, objetivo esse já alcançado (os alunos com MD são bem aceites pelos seus pares e parecem estar verdadeiramente incluídos). Após a análise das entrevistas aos professores e técnicos deparámo-nos com o facto destes sentirem alguma insatisfação, uns pela falta de formação, exigência de metas a cumprir e outros pela colocação tardia.
URI: http://hdl.handle.net/20.500.12207/4598
Designation: Dissertação de mestrado em Educação especial - especialização no domínio cognitivo e motor. Instituto Politécnico de Beja. Escola Superior de Educação, 2015
Appears in Collections:D-ECSC - Dissertações de Mestrado

Files in This Item:
wcag
File Description SizeFormat 
Madalena Fernandes.pdf8.75 MBAdobe PDFView/Open


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Currículo DeGóis 

This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons